22 agosto 2006

Vale a pena ler...

Esse artigo é muito interessante (e grande também, ainda não li tudo), mostrando como o Google funciona internamente. Afinal de contas o Google também é uma empresa, e com funcionários e projetos espalhadas pelo mundo.. Não é fácil gerenciar esse gigante. Vale a pena ler: How Google Works.

21 agosto 2006

Mais sobre o Mono e o Suse

Lendo com mais detalhes o artigo citado anteriormente LinuxWorld: Novell Tunes Linux for .Net, Enterprise Desktops, resolvi detalhar mais algumas informações encontradas:
  1. A Microsoft está liberando o código fonte de algumas de suas APIs do .Net para o mundo livre (leia-se Mono), incluindo o Windows Form APIs. O objetivo é tornar as aplicações portáveis para Linux, possibilitando que os desenvolvedores ou o servidor da empresa utilizem essa plataforma como alternativa. Isso sustenta minha teoria sobre o apoio informal da MS ao projeto Mono e à Novell. Leia mais em Microsoft Considers Opening Up Access to Windows Forms By Mary Jo Foley
  2. Mono was used to develop a number of new desktop Linux applications
    that will be found in Novell's SUSE Linux Enterprise Desktop 10 when it
    ships later this year, including the Banshee music player, F-spot photo
    management tool, iFolder and Beagle desktop search.
  3. Outro link interessante sobre o Mono: http://www.eweek.com/article2/0,1895,1909674,00.asp
  4. A Novell está desenvolvendo uma ferramenta para a construção fácil de pacotes linux, "a new Linux build service framework that will simplify the creation
    of Linux packages for not only SUSE Linux but for any other Linux
    distribution
    ". Com esse serviço, será possível a criação de pacotes para várias distribuições Linux, através de uma interface mais amigável. Veja mais detalhes em http://www.opensuse.org/.

dotNet versus Java

A briga continua... Particularmente, não acredito que o .Net já bateu o Java, mas se não tomarem cuidado, isso vai acontecer logo, muito devido ao Mono.
Veja o exemplo do Gnome, que é hoje umas das interfaces mais utilizadas no Linux, e, assim como as próximas versões do Windows virão todo integrado ao .Net framework, é todo baseado em Mono - lembre-se que o criador do Mono é o Miguel de Icaza, criador e mantenedor do Gnome. Li em algum lugar que as próximas versões do Ubuntu virão com o Mono pré-instalado. O .Net está ganhando frentes fortes nos dois mundos.

Alguns artigos sobre isso:


Veja também, esse projeto para um Live-CD de desenvolvimento Mono: http://mono-live.com/.

Jonathan´s Blog

Um dos blogs que eu gosto muito de ler é do Jonathan Schwartz, CEO e Presidente da Sun. Além do futuro do Java e da tecnologia em geral, ele fala de temas diversos como a adoção de padrões livres, convocando todos a participarem do Open Document Format (ODF) Alliance, como os blogs podem e devem ser utilizados pelas empresas (incluindo CEO, diretores e funcionários) em busca da melhoria da própria empresa com uma "maior transparência", e como os seus adovogados terão que mudar para tornar isso possível. Claro que devemos sempre ler considerando a sua posição na empresa...

14 agosto 2006

Mais história do PC

Por falar em história do PC, o primeiro IBM PC está fazendo 25 anos... E para comemorar, a PCWorld e a InformationWeek publicaram listas do melhores e piores softwares e tecnologias nesses 25 anos.
What's The Greatest Software Ever Written?
Os 25 piores produtos e serviços de tecnologia de todos os tempos
Os 25 melhores produtos de tecnologia dos últimos 25 anos


História do computador pessoal no YouTube

O YouTube serve pra tudo... desde ver a jogada espetacular no jogo de ontem do seu time, brincar com os amigos criando falsos atentados, até registrar a história. Esse artigo muito interessante do IDGNow! mostra a história do PC através de imagens do YouTube! Muito bom..

Criando sua própria rádio online

Esse é um "passo-a-passo" de como criar uma rádio online. Aproveite que na internet ainda não há regulamentação desse tipo de mídia...
Rádio entre amigos

Logitech investindo em VoIP com o Skype

A Logitech resolveu investir em VoIP, em parceria com o Skype. Segundo o IDGNow!, "a versão européia do novo Logitech EasyCall Desktop inclui um teclado específico para Skype com botões que abrem o software, fazem e terminam ligações, mudam o status do usuário e acrescentam rapidez à discagem." Veja a imagem abaixo do speakerphone:




Mais em: Logitech launches wireless Skype phone.

Microsoft: popularizando agora os games

Depois de popularizar o uso de PCs, com a criação de uma plataforma simples de uso (Windows) e ferramentas de construção de aplicações (VisualBasic, etc.), agora a MS quer também popularizar o desenvolvimento de jogos, através do XNA Game Studio Express. Segundo a INFO, "objetivo é encorajar produtoras de videogames independentes e programadores independentes a criar títulos para seu novo console Xbox 360." Veja também em Microsoft Gives XBOX 360's SDK to the World e Microsoft anuncia ferramenta para que qualquer um crie games para Xbox 360. Um benefício para os jogadores ou mais uma das belas jogadas de marketing da MS? Com certeza, o número de jogos para o XBox vai crescer muito com isso, o que tornará essa plataforma muito mais interessante que a dos concorrentes...

Internet baranteando os preços?

Eu não sabia, mas existe um indice de inflação para preços na Internet, o e-flation. "Criado pelo PROVAR, Programa de Administração
de Varejo da Fundação Instituto de Administração, o e-flation tem o
intuito de monitorar a precificação de produtos consumidos online." E o mais importante é que o indice vem registrando número negativos:
queda de 1,29% no mês de agosto e -4,61% em julho...

11 agosto 2006

Mais concorrência no mercado de músicas online

Segundo Débora Fortes, também do INFOLAB, a Nokia está entrando com força na briga pelo mercado de venda legal de músicas online. Depois de vender milhões de aparelhos celulares com tocadores de música (concorrentes dos iPods), agora adiquiriu Loudeye, por aproximadamente US$60mi. "Loudeye is a global leader of digital music platforms and digital media distribution services", ou seja, um forte concorrente do iTunes. A Loudeys tem cerca de 130 funcionários e faturamento em 2005 de US$20,3mi.
Mais sobre a compra aqui: http://www.nokia.com/A4136001?newsid=1067845

INFOLAB testa primeira TV full HD no Brasil

Segundo a Sandra Carvalho, da INFOLAB, a primeira TV full HD do Brasil já chegou, mesmo antes da estréia da TV digital por aqui. Com 55', resolução de 1920X1080 p, essa TV vai fazer muita gente babar, mas ficar só olhando.. Custa R$49 mil! Sandra disse que deve baixar pela metade em um ano, mas acredito que o melhor efeito dela a curto prazo será baratear ainda mais e popularizar as outras TVs de LCD, que a bem pouco tempo custavam cerca de R$20mil, e agora saem por volta dos R$4mil...

07 agosto 2006

OSGi - Extendendo sua aplicação java através de plugins

Aplicações monolíticas e fechadas para novas funcionalidades não é uma boa prática de desenvolvimento. Para cada novidade que se queira implementar e agregar valor ao produto final pode trazer a necessidade de uma reformulação grande no produto, gerando atrasos e novos bugs. Além disso, apenas o "dono do código" pode incluir novas funcionalidades.
Uma maneira simples de permitir essa extensão de forma fácil é através de plugins. Várias aplicações possuem esse mecanismo como forma de permitir a terceiros o incremento do programa por terceiros, além de melhrar a legibilidade do código (cada plugin é desenvolvido em separado, e cuida de um único conjunto de funcionalidades). Por exemplo, aplicações de mensagens instantâneas podem disponibilizar uma interface para a criação de plugins que são carredos em runtime e permitem a implementação de novos protocolos de comunicação (MSN, Yahoo!, AOL/ICQ, etc...).
Entretanto, normalmente cada aplicação possui a sua própria interface de plugin, exigindo que o programador aprenda uma nova interface de programação -- interfaces, classes, xmls, linguagens...
o OSGi vem para solucionar esse problema.
O OSGi é uma especificação de como se cria plugins (todos os xmls e padrões para isso). Ainda estou estudando ele para compreender melhor, mas já é adotado pelo Eclipse IDE, que é composto por um framework básico OSGi, o Equinox, e um conjunto de plugins básicos. Nele, ambiente de desenvolvimento Java é só mais um plugin (o JDT), assim como o ambiente de desenvolvimento C/C++, o Team Development (que inclui o CVS e SVN), etc... A idéia é muito interessante, e pode ser aplicado a qualquer tipo de aplicação que queira ser extensível. O OSGi tem entre seus componentes grandes nomes como a IBM, HP e até a Sun (quem sabe um dia o Netbeans não usa esse padrão?).
Alguns artigos interessantes:
OSGi framework to improve Java platform
The netbeans and eclipse developers get along just fine