15 outubro 2007

Vidas Virtuais

Me parece que realmente a idéia de vidas virtuais, sonhadas a muitos tempos e já mostrada em vários filmes que abordam inteligência artificial (incluindo Matrix, dentre outros), está cada dia mais próxima da realidade. Leia os textos da IDG Now!: Mundos virtuais podem ser chave para sofisticar inteligência artificial e Em algumas décadas, humanos irão se casar com robôs, defende tese.

O primeiro artigo fala sobre uma idéia genial, de colocar algorítmos de AI convivendo junto a pessoas reais em mundos virtuais, como o SecondLife. Nesses ambientes, vai se tornar cada dia mais fácil encontrar pessoas que só vivem ali, e já até abandoram suas monótonas (ou impossibilitantes) vidas "reais" (teremos que redefinir o que é real?). Por que não colocar nesse meio seres que não tem uma vida real?? Um tamagoshi super evoluído... Quais as possibilidades serão abertas nesse campo?


O segundo, mais bizzaro, fala da tese de doutorado defendida pelo David Levy, na University of Maastricht, intitulada “Relações Íntimas com Parceiros Artificiais”. Nela, David fala que os robôs estão cada vez mais modernos, e podem se tornar reais, e porque não, poremos nos relacionar com eles. Será? Espero que não cheguemos a esse ponto!
Se procurar no google, acharemos muitas referência a esse assunto. Procurando no site da Universidade, só encontrei a informação de que um David Levy é "President of the ICGA", ou Internation Computer Games Association. Se alguem tiver mais informações sobre o assunto, me informe.

10 outubro 2007

Sites Web2.0 - continuando

Aliás, outro site que me chamou atenção, nesse artigo do IDG Now! foi o Powerset, que promete um mecanismo de busca baseado em linguagem natural e web semântica: "Powerset is undertaking a huge task: building a natural language search engine that reads and understands every sentence on the Web." Para quem, assim como eu, está de olho na próxima geração de mecanismos de busca, vale uma olhada no post "what did steve jobs say about the iPod?".

09 outubro 2007

Sites Web2.0

Acabei de ler um artigo muito interessante do IDG Now! entitulado 10 novos serviços online que indicam o futuro da Web 2.0. Aponta sites que eu não conhecia, e que são muito interessantes. Para quem não sabe, eu sou afixionado por finanças pessoais, e o que mais me chamou a atenção foi o Mint, um gerenciador de finanças pessoais na Web, concorrente do Moneytrackin’. O Mint tem duas características muito interessantes:
  1. Faz a atualização automática de sua conta a partir da conta real, ou seja, acessa o seu banco ou cartão de crédito e atualiza (à noite) o seu estado atual. Isso pode causar problemas de segurança, mas eles se baseiam em privacidade para evitar problemas. "It automatically pulls together your bank, credit union and credit card data, and provides up-to-date and amazingly accurate views of your financial life".


  2. O Mint é inteligente, e pode te dar dicas personalizadas de economia e como melhorar seus gastos baseado em seus hábitos. "Using a patent-pending search algorithm, Mint constantly searches through thousands of offers from hundreds of providers to find the best deals on everything from bank accounts to credit cards; cable, phone and Internet plans, and more. Mint’s suggestions are “unique to you” as they are based on your individual spending patterns".

O Moneytrackin’, um concorrente web do MSMoney e GnuCash, eu já tentei utilizar, mas não consegui por falta de algumas funcionalidades básicas, como edição de operações programadas. Foi lançado uma nova versão recentemente, que pode ter resolvido esse e outros problemas. Mas de qualquer forma, parece que se tornou mais inteligente, com a integração com a comunidade e dicas de economia. Vale uma revisitada.

Certificação Arquiteto Java 5 Beta - Eu já fiz!

Fiz hoje a prova da primeira etapa da SCEA5 Beta. Realmente é uma prova muito cansativa, com perguntas que vão desde design pattern até segurança física de dados (proteger os logs antigos e papeis picados!), passando também por Corba e Integração de sistemas legados.

Considero que fui bem em 40% das questões (ou seja, questões que respondi sem deixar dúvidas pra trás, mas que eu posso ter errado), e o restante eu fiquei em dúvida...

Interessante foi ver que algumas questões continham erros, como uma resposta repitida (letras B e C eram identicas, p.ex.).

Para quem for fazer, recomendo estudar muito Design Patterns, Segurança e WebService/SOA. Além disso, RMI-IIOP e Corba, JCA e JMS/Message-Driven-Bean. Não esquecendo das diferenças entre JSF e JSP/Servlet, que também foram pedidas (perguntas como qual a maireira mais simples ou mais indicada em uma determinada situação).

Vamos agora esperar o resultado, pois ficou difícil prever qual será a nota.

05 outubro 2007

Certificação Arquiteto Java 5 Beta

Essa semana começou a aplicação das provas beta de arquiteto java (SCEA 5).
A inscrição foi um tumulto, pois eles marcaram para começar no dia 26, mas liberaram dia 25.. Ainda bem que eu estava monitorando, e vi no dia 25 pela manha. Aqui em Belo Horizonte só uma empresa que aplica os testes da Prometric, e por isso, às 11h já não havia mais disponibilidade de horário. Ainda consegui avisar alguns amigos, e um deles já fez a prova na quarta-feira. Segundo ele, a prova é bem alto nível, e cobrou muito de WebServices e XML, assuntos tão em moda, assim como SOA.
Farei a prova dia 09, à tarde. Espero estar preparado até lá.